VÍDEO: Pescador se assusta com 'animal misterioso' no Rio Madeira, em Porto Velho

Vídeo da água se mexendo enquanto o homem segura uma pirarara viralizou em Rondônia. No dia anterior ele tinha pescado uma pirarara com mais de 50 kg. Pescador se assusta com "animal misterioso" no rio Madeira Um animal misterioso causou um susto a um pescador durante a soltura de um peixe no Rio Madeira, em Porto Velho. O vídeo da água se mexendo enquanto o homem segura uma pirarara viralizou em Rondônia e gerou várias teorias (veja acima). O g1 conversou com o pescador do vídeo. João Cordeiro Junior é oficial do Bombeiro Militar e piloto de avião e helicóptero. Nas horas vagas ele se aventura pescando. Segundo João, ele ainda tenta entender que animal era aquele do vídeo. Já mostrou as imagens para os amigos, família, colocou em câmera lenta e analisou várias vezes para tentar descobrir. A única certeza é que ele não quer passar por um susto desse novamente. "Não sei o que era. Não sei se era jacaré, ou uma cobra, um boto. Só sei que eu me assustei e soltei o peixe na hora porque o Madeira é imprevisível", relembra. De acordo com o biólogo Flávio Terassini, o mais provável é que o "animal misterioso" seja um boto-cor-de-rosa que é muito comum nos rios da Região Norte, e até lenda do folclore brasileiro. "Eles comem peixe, devem ter sentido o cheiro do peixe e chegado próximo ao pescador está segurando a pirarara", comenta o biólogo. De outras pescarias Um dia antes da aparição do animal misterioso, João pescou uma pirarara que pesou mais de 50 kg. Conforme ele, foram necessários cerca de 20 minutos para conseguir puxar o peixe e colocar dentro do caiaque. "No outro dia meu braço estava todo dolorido", diz. Para João, a pescaria funciona como momento de calmaria e relaxamento da rotina de trabalho e outras questões do cotidiano. João e a pirarara de mais de 50kg capturada no Rio Madeira em Porto Velho Instagram/Reprodução "Como eu pesco no caiaque, ele vai me levando pelo rio. Então a pesca vai ficando mais emocionante e ao mesmo tempo muito perigosa [...] Como eu sou bombeiro, trabalho no grupamento aéreo, a gente tem momentos muito tensos. Eu brinco que minha terapia é a pesca", comenta. Rio Madeira No Madeira existem cerca de 1,2 mil espécies de peixes, uma quantidade equivalente a 40% de todas as espécies da bacia amazônica. O rio abriga uma das maiores diversidades de peixes do planeta. Todos os rios de Rondônia, em algum momento, desaguam no Madeira. Diante disso, a preservação da bacia amazônica depende, sobretudo, da preservação do rio Madeira. VÍDEOS: veja mais notícias de Rondônia

VÍDEO: Pescador se assusta com 'animal misterioso' no Rio Madeira, em Porto Velho

Vídeo da água se mexendo enquanto o homem segura uma pirarara viralizou em Rondônia. No dia anterior ele tinha pescado uma pirarara com mais de 50 kg. Pescador se assusta com "animal misterioso" no rio Madeira Um animal misterioso causou um susto a um pescador durante a soltura de um peixe no Rio Madeira, em Porto Velho. O vídeo da água se mexendo enquanto o homem segura uma pirarara viralizou em Rondônia e gerou várias teorias (veja acima). O g1 conversou com o pescador do vídeo. João Cordeiro Junior é oficial do Bombeiro Militar e piloto de avião e helicóptero. Nas horas vagas ele se aventura pescando. Segundo João, ele ainda tenta entender que animal era aquele do vídeo. Já mostrou as imagens para os amigos, família, colocou em câmera lenta e analisou várias vezes para tentar descobrir. A única certeza é que ele não quer passar por um susto desse novamente. "Não sei o que era. Não sei se era jacaré, ou uma cobra, um boto. Só sei que eu me assustei e soltei o peixe na hora porque o Madeira é imprevisível", relembra. De acordo com o biólogo Flávio Terassini, o mais provável é que o "animal misterioso" seja um boto-cor-de-rosa que é muito comum nos rios da Região Norte, e até lenda do folclore brasileiro. "Eles comem peixe, devem ter sentido o cheiro do peixe e chegado próximo ao pescador está segurando a pirarara", comenta o biólogo. De outras pescarias Um dia antes da aparição do animal misterioso, João pescou uma pirarara que pesou mais de 50 kg. Conforme ele, foram necessários cerca de 20 minutos para conseguir puxar o peixe e colocar dentro do caiaque. "No outro dia meu braço estava todo dolorido", diz. Para João, a pescaria funciona como momento de calmaria e relaxamento da rotina de trabalho e outras questões do cotidiano. João e a pirarara de mais de 50kg capturada no Rio Madeira em Porto Velho Instagram/Reprodução "Como eu pesco no caiaque, ele vai me levando pelo rio. Então a pesca vai ficando mais emocionante e ao mesmo tempo muito perigosa [...] Como eu sou bombeiro, trabalho no grupamento aéreo, a gente tem momentos muito tensos. Eu brinco que minha terapia é a pesca", comenta. Rio Madeira No Madeira existem cerca de 1,2 mil espécies de peixes, uma quantidade equivalente a 40% de todas as espécies da bacia amazônica. O rio abriga uma das maiores diversidades de peixes do planeta. Todos os rios de Rondônia, em algum momento, desaguam no Madeira. Diante disso, a preservação da bacia amazônica depende, sobretudo, da preservação do rio Madeira. VÍDEOS: veja mais notícias de Rondônia