TSE ordena exclusão de vídeo em que Lula pede voto

Segundo ministra, o presidenciável infringiu a Lei Eleitoral

TSE ordena exclusão de vídeo em que Lula pede voto
Lula terá que obedecer decisão judicialRicardo Stuckert

O petista participou de um evento em Teresina, no Piauí, na última quarta (3), e pediu aos seus apoiadores para que votassem nele, no candidato ao Senado Wellington Dias (PT) e no candidato ao governo Rafael Fonteles (PT). O PDT entrou com uma ação no TSE e alegou que o Partido dos Trabalhadores realizou campanha antecipada.

Segundo artigo 36 da lei das eleições, qualquer propaganda eleitoral só poderá ocorrer em 16 de agosto. “O pré-candidato pode muito, mas não pode pedir voto explicitamente, situação que, ao que parece, é aquela objeto desta representação”, diz a ministra do TSE no documento em que ordena a retirada dos vídeos.

Leia mais...