STTU revoga portaria que autorizava estacionamento ao lado de canteiros centrais próximos a unidades de saúde em Natal

A partir de 1º de junho, quem estacionar de forma irregular nesses locais será multado. Medida foi publicada no início do ano devido a alta nos casos de Covid na capital. Agentes estão agindo de forma educativa, mas medida passa a valer a partir de 1º de junho Divulgação A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) revogou a portaria que autorizava o estacionamento ao lado do canteiro central, praça e jardim público ao lado de unidades de saúde. A portaria era válida desde o fim de janeiro. Segundo a STTU, o objetivo da liberação temporária era facilitar o acesso às unidades de saúde, que naquele momento apresentavam superlotação devido ao alto número de casos de Covid. LEIA TAMBÉM Natal decreta situação de emergência por causa do aumento de casos de dengue, zika e chikungunya A revogação foi publicada no Diário Oficial do Município desta segunda-feira (16), mas a medida só passa a valer a partir de 1º de junho. De acordo com a STTU, a decisão levou em conta critérios como a atual cobertura vacinal da Covid e a significativa redução no atendimento de pessoas acometidas pelo vírus nos hospitais e centros de testagem. Profissionais da pasta já iniciaram ações educativas nestes locais, esclarecendo sobre a mudança no decreto, e a revogação da liberação. A partir de 1ºde junho, a fiscalização volta normalmente, com a aplicação de notificações, em caso de desobediência. Vídeos mais assistidos do g1 RN

STTU revoga portaria que autorizava estacionamento ao lado de canteiros centrais próximos a unidades de saúde em Natal

A partir de 1º de junho, quem estacionar de forma irregular nesses locais será multado. Medida foi publicada no início do ano devido a alta nos casos de Covid na capital. Agentes estão agindo de forma educativa, mas medida passa a valer a partir de 1º de junho Divulgação A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) revogou a portaria que autorizava o estacionamento ao lado do canteiro central, praça e jardim público ao lado de unidades de saúde. A portaria era válida desde o fim de janeiro. Segundo a STTU, o objetivo da liberação temporária era facilitar o acesso às unidades de saúde, que naquele momento apresentavam superlotação devido ao alto número de casos de Covid. LEIA TAMBÉM Natal decreta situação de emergência por causa do aumento de casos de dengue, zika e chikungunya A revogação foi publicada no Diário Oficial do Município desta segunda-feira (16), mas a medida só passa a valer a partir de 1º de junho. De acordo com a STTU, a decisão levou em conta critérios como a atual cobertura vacinal da Covid e a significativa redução no atendimento de pessoas acometidas pelo vírus nos hospitais e centros de testagem. Profissionais da pasta já iniciaram ações educativas nestes locais, esclarecendo sobre a mudança no decreto, e a revogação da liberação. A partir de 1ºde junho, a fiscalização volta normalmente, com a aplicação de notificações, em caso de desobediência. Vídeos mais assistidos do g1 RN