Rússia diz que está perto de conquistar Lugansk e que 1.908 militares deixaram Azovstal

Combatentes ucranianos que saíram de Azovstal chegam a Olenivka, perto de Donetsk Reuters - 20.05.2022 O ministro da Defesa da Rússia, Serguei Shoigu, afirmou que Moscou está perto de controlar totalmente a região separatista de Lugansk, no leste da Ucrânia, nesta sexta-feira (20). Shoigu ainda anunciou que 1.908 soldados ucranianos, que permaneceram entrincheirados por semanas na siderúrgica de Azovstal, em Mariupol, no sudeste da Ucrânia, se renderam desde a segunda-feira (16).  Veja também Internacional Blinken acusa Rússia de usar fome como arma de guerra na Ucrânia Internacional Se a Otan é uma aliança defensiva, qual o temor de Vladimir Putin? Internacional Pentágono adverte que será difícil desalojar Rússia do Donbass Os soldados que saíram do complexo nesta sexta-feira foram levados de ônibus escoltados por forças apoiadas pela Rússia a uma ex-colônia penal na cidade de Olenivka, região controlada pelos russos e localizada perto de Donetsk. Apesar dos anúncios, não ficou claro quantos combatentes ainda permanecem em Azovstal. Autoridades ucranianas se recusaram a comentar, dizendo que a declaração poderia pôr em risco os esforços de resgate. A cidade de Mariupol, com um dos principais portos marítimos da Ucrânia, é uma região estratégica para a Rússia, para que o país consiga consolidar o controle das terras que conquistou ao longo da costa, chegando até a península da Crimeia, anexada em 2014.   Idosos usam celeiro como abrigo em meio ao conflito na Ucrânia  

Rússia diz que está perto de conquistar Lugansk e que 1.908 militares deixaram Azovstal
Combatentes ucranianos que saíram de Azovstal chegam a Olenivka, perto de Donetsk
Combatentes ucranianos que saíram de Azovstal chegam a Olenivka, perto de Donetsk Reuters - 20.05.2022

O ministro da Defesa da Rússia, Serguei Shoigu, afirmou que Moscou está perto de controlar totalmente a região separatista de Lugansk, no leste da Ucrânia, nesta sexta-feira (20).

Shoigu ainda anunciou que 1.908 soldados ucranianos, que permaneceram entrincheirados por semanas na siderúrgica de Azovstal, em Mariupol, no sudeste da Ucrânia, se renderam desde a segunda-feira (16). 

Os soldados que saíram do complexo nesta sexta-feira foram levados de ônibus escoltados por forças apoiadas pela Rússia a uma ex-colônia penal na cidade de Olenivka, região controlada pelos russos e localizada perto de Donetsk.

Apesar dos anúncios, não ficou claro quantos combatentes ainda permanecem em Azovstal. Autoridades ucranianas se recusaram a comentar, dizendo que a declaração poderia pôr em risco os esforços de resgate.

A cidade de Mariupol, com um dos principais portos marítimos da Ucrânia, é uma região estratégica para a Rússia, para que o país consiga consolidar o controle das terras que conquistou ao longo da costa, chegando até a península da Crimeia, anexada em 2014.

 

Idosos usam celeiro como abrigo em meio ao conflito na Ucrânia

Estagi\u00e1ria do R7, sob supervis\u00e3o de Pablo Marques","content":null,"position":0},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/celeiro-transformado-em-abrigo-18052022133909485","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"O celeiro, localizado em Sydorove, leste da Ucr\u00e2nia, foi transformado em um abrigo para proteger os idosos da guerra. Mesmo que pequeno, esse passou a ser o lar do casal


","content":null,"position":1},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/celeiro-transformado-em-abrigo-18052022133910169","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"Oleksiy Poliakov \u00e9 professor de biologia e l\u00ea um livro no por\u00e3o de casa, em uma tentativa de ignorar que do lado de fora os ataques russos n\u00e3o d\u00e3o tr\u00e9gua em um prado que fica na linha de frente dos combates","content":null,"position":2},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/celeiro-transformado-em-abrigo-18052022133911365","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"Esta \u00e9 a entrada do celeiro de Galina e Oleksiy. Com blocos de concreto e uma pequena porta verde, a moradia do casal n\u00e3o \u00e9 luxuosa, por\u00e9m \u00e9 um ambiente seguro e convidativo

","content":null,"position":3},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/soldados-ucranianos-18052022134001903","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"Soldados ucranianos seguem patrulhando estradas da cidade. Os militares foram fotografados em um local perto do abrigo onde os idosos est\u00e3o
","content":"","position":4},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/tanque-ucraniano-no-campo-18052022133910432","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"Um disparador de m\u00edsseis se move em um campo pr\u00f3ximo a Sydorove e ronda o local

","content":null,"position":5},{"width":1024,"height":682,"url":"https://img.r7.com/images/celeiro-transformado-em-abrigo-18052022133910733","author":"YASUYOSHI CHIBA/AFP - 17.5.2022","subtitle":"O conflito entre R\u00fassia e Ucr\u00e2nia, que come\u00e7ou em 24 de fevereiro, completou, nesta quarta-feira (18), 83 dias","content":null,"position":6}]" data-article-gallery-url="http://noticias.r7.com/internacional/fotos/idosos-usam-celeiro-como-abrigo-em-meio-ao-conflito-na-ucrania-18052022" style="clear:both;">