Rússia afirma que mais de 1.000 soldados ucranianos se renderam na cidade de Mariupol

Cidade de Mariupol foi uma das mais atacadas desde a invasão russa na Ucrânia. Alexander NEMENOV / AFP Mais de 1.000 soldados ucranianos se renderam às tropas russas na cidade de Mariupol, que está sitiada há semanas, disse o Ministério da Defesa russo nesta quarta-feira (13). "Na cidade de Mariupol, na área da fábrica metalúrgica Ilyich... 1.026 militares ucranianos da 36ª Brigada de Fuzileiros Navais depuseram voluntariamente as armas e se renderam", disse o ministério em comunicado. Segundo esta fonte, 150 deles ficaram feridos e foram levados para o hospital de Mariupol. Na noite de terça (12) para quarta-feira (13), uma reportagem da televisão pública russa transmitida no Russia 24 noticiou a rendição. Leia também Ucrânia alega falta de segurança e não fará corredores humanitários nesta quarta-feira (13) Joe Biden acusa Vladimir Putin de genocídio por guerra na Ucrânia Volodmir Zelenski propõe troca de magnata por ucranianos As imagens mostravam homens em roupas de camuflagem carregando pessoas feridas em macas ou sendo interrogadas, de pé no que parecia ser uma caverna. Na terça-feira, as autoridades regionais do sudeste da Ucrânia estimaram o número de mortos em Mariupol, que foi bombardeada há mais de 40 dias, em pelo menos 20.000 mortos. A luta está agora concentrada na gigantesca zona industrial da cidade.

Rússia afirma que mais de 1.000 soldados ucranianos se renderam na cidade de Mariupol
Cidade de Mariupol foi uma das mais atacadas desde a invasão russa na Ucrânia.
Cidade de Mariupol foi uma das mais atacadas desde a invasão russa na Ucrânia. Alexander NEMENOV / AFP

Mais de 1.000 soldados ucranianos se renderam às tropas russas na cidade de Mariupol, que está sitiada há semanas, disse o Ministério da Defesa russo nesta quarta-feira (13).

"Na cidade de Mariupol, na área da fábrica metalúrgica Ilyich... 1.026 militares ucranianos da 36ª Brigada de Fuzileiros Navais depuseram voluntariamente as armas e se renderam", disse o ministério em comunicado.

Segundo esta fonte, 150 deles ficaram feridos e foram levados para o hospital de Mariupol.
Na noite de terça (12) para quarta-feira (13), uma reportagem da televisão pública russa transmitida no Russia 24 noticiou a rendição.

As imagens mostravam homens em roupas de camuflagem carregando pessoas feridas em macas ou sendo interrogadas, de pé no que parecia ser uma caverna.

Na terça-feira, as autoridades regionais do sudeste da Ucrânia estimaram o número de mortos em Mariupol, que foi bombardeada há mais de 40 dias, em pelo menos 20.000 mortos. A luta está agora concentrada na gigantesca zona industrial da cidade.

Mariupol, no sul da Ucr\u00e2nia, no litoral do mar de Azov, est\u00e1 sitiada h\u00e1 mais de duas semanas pelas tropas russas. A regi\u00e3o \u00e9 estrat\u00e9gica para a R\u00fassia porque liga outros territ\u00f3rios j\u00e1 conquistados 
","content":null,"position":0},{"width":1020,"height":852,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mapa-guerra-22032022153043287","author":"Marim\u00e9 Brunengo, Jonathan Jacobsen, Jochen Gebauer, Maria Cecilia Rezende /AFP","subtitle":"Se Mariupol for tomada, os russos criam um corredor por terra da Crimeia at\u00e9 os territ\u00f3rios ucranianos pr\u00f3-R\u00fassia","content":"","position":1},{"width":1280,"height":867,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mariupol-manifestacoes-22032022143001363","author":"Alexander Ermochenko/Reuters - 20.03.2022","subtitle":"Al\u00e9m disso, h\u00e1 navios posicionados no mar de Azov que transportam tanques, o que permitiria a passagem de mais refor\u00e7os para o Ex\u00e9rcito","content":null,"position":2},{"width":1280,"height":853,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mariupol-manifestacoes-22032022143000314","author":"Alexander Ermochenko/Reuters - 17.03.2022","subtitle":"Mariupol tamb\u00e9m tem o maior porto da regi\u00e3o; se for conquistado, bloquearia o abastecimento da Ucr\u00e2nia, que j\u00e1 est\u00e1  prejudicado desde o in\u00edcio da guerra com a R\u00fassia, e afetaria ainda mais a economia do pa\u00eds","content":null,"position":3},{"width":1280,"height":872,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mariupol-manifestacoes-22032022143001028","author":"Alexander Ermochenko/Reuters - 17.03.2022","subtitle":"Ap\u00f3s a invas\u00e3o russa, os habitantes que permaneceram na cidade enfrentam a falta de \u00e1gua, alimentos e rem\u00e9dios. Uma menina de 6 anos morreu de desidrata\u00e7\u00e3o sob as ru\u00ednas de sua casa depois que o local foi atingido pelos ataques russos","content":null,"position":4},{"width":1280,"height":815,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mariupol-manifestacoes-22032022143001601","author":"Alexander Ermochenko/Reuters - 17.03.2022","subtitle":"A cidade tamb\u00e9m \u00e9 um dos principais pontos de resist\u00eancia ucraniana, e os russos n\u00e3o querem levar essa derrota para casa. Os combates j\u00e1 destru\u00edram 80% dos pr\u00e9dios residenciais, segundo a prefeitura de Mariupol. A situa\u00e7\u00e3o obrigou 30 mil pessoas a deixar a regi\u00e3o","content":null,"position":5},{"width":1280,"height":853,"url":"https://img.r7.com/images/ucrania-mariupol-manifestacoes-22032022143000693","author":"Alexander Ermochenko/Reuters - 17.03.2022","subtitle":"O n\u00famero oficial de mortos na cidade desde a invas\u00e3o \u00e9 de 2.400, mas um conselheiro da prefeitura disse em entrevista \u00e0 r\u00e1dio ucraniana Current Time que estima que cerca de 20 mil pessoas tenham morrido","content":null,"position":6}]" data-article-gallery-url="http://noticias.r7.com/internacional/fotos/por-que-a-cidade-de-mariupol-e-tao-importante-para-a-russia-22032022" style="clear:both;">