Represa do Bortolan atinge maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas, MG

Marca de 98,8% do volume útil foi alcançada nesta terça-feira (21) devido às chuvas dos últimos meses. Em Poços de Caldas, represa do Bortolan atinge maior nível desde março deste ano A Represa do Bortolan atingiu o seu maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas (MG). A marca de 98,8% do volume útil foi alcançada nesta terça-feira (21) devido às chuvas dos últimos meses. Os níveis mais altos das represas são um respiro para o sistema de abastecimento de água e energia elétrica, que vinha enfrentando momentos críticos. O cenário atual é completamente diferente das imagens que foram registradas ao longo do ano, durante uma forte estiagem. A represa chegou a amargar 45 dias operando com apenas 12% da capacidade. No local havia uma faixa de terra com mais de 50 metros e era necessário caminhar para chegar até a água. O nível da represa começou a aumentar em outubro. A primavera mais chuvosa contribuiu para que o reservatório enchesse. A Represa do Bortolan é considerada pequena, com capacidade para 7 milhões de metros cúbicos de água. A água não é usada para abastecimento humano, apenas para geração de energia elétrica, turismo e esportes de lazer. Represa do Bortolan atinge maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas Reprodução EPTV Represa do Cipó Já a Represa do Cipó, que é usada para o abastecimento humano, opera atualmente com menos de 50% de sua capacidade. Ela é o maior reservatório da cidade, com capacidade para 36 milhões de metros cúbicos de água. A represa opera hoje com 44,03% de sua capacidade. A represa do Cipó chegou a atingiu o volume de 74% neste ano. Em junho, veio o período de estiagem e o nível caiu a 32,47%. Agora, com o período chuvoso, a represa começa a se recuperar, já chegando a 44%. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas

Represa do Bortolan atinge maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas, MG

Marca de 98,8% do volume útil foi alcançada nesta terça-feira (21) devido às chuvas dos últimos meses. Em Poços de Caldas, represa do Bortolan atinge maior nível desde março deste ano A Represa do Bortolan atingiu o seu maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas (MG). A marca de 98,8% do volume útil foi alcançada nesta terça-feira (21) devido às chuvas dos últimos meses. Os níveis mais altos das represas são um respiro para o sistema de abastecimento de água e energia elétrica, que vinha enfrentando momentos críticos. O cenário atual é completamente diferente das imagens que foram registradas ao longo do ano, durante uma forte estiagem. A represa chegou a amargar 45 dias operando com apenas 12% da capacidade. No local havia uma faixa de terra com mais de 50 metros e era necessário caminhar para chegar até a água. O nível da represa começou a aumentar em outubro. A primavera mais chuvosa contribuiu para que o reservatório enchesse. A Represa do Bortolan é considerada pequena, com capacidade para 7 milhões de metros cúbicos de água. A água não é usada para abastecimento humano, apenas para geração de energia elétrica, turismo e esportes de lazer. Represa do Bortolan atinge maior nível desde o mês de março em Poços de Caldas Reprodução EPTV Represa do Cipó Já a Represa do Cipó, que é usada para o abastecimento humano, opera atualmente com menos de 50% de sua capacidade. Ela é o maior reservatório da cidade, com capacidade para 36 milhões de metros cúbicos de água. A represa opera hoje com 44,03% de sua capacidade. A represa do Cipó chegou a atingiu o volume de 74% neste ano. Em junho, veio o período de estiagem e o nível caiu a 32,47%. Agora, com o período chuvoso, a represa começa a se recuperar, já chegando a 44%. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas