PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381

Apreensão ocorreu no trecho do km 842, em São Sebastião da Bela Vista (MG). De acordo com a PRF, animais saíram de Várzea do Poço (BA) e seriam levados para São Paulo. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, nesta quinta-feira (31), pássaros e jabutis na BR-381, em São Sebastião da Bela Vista (MG). Os animais estavam dentro de um carro e de um reboque atrelado ao veículo. De acordo com a PRF, eles saíram de Várzea do Poço (BA) e seriam levados para comercialização em São Paulo. Os suspeitos, que haviam sido detidos pela 3ª vez, pagaram fiança e foram liberados. A apreensão ocorreu por volta das 15h, no trecho do km 842 da rodovia, na pista sentido São Paulo, quando o veículo, com o reboque, foi abordado. Durante a abordagem, a PRF localizou diversas gaiolas e utensílios para captura de animais. No carro, a polícia encontrou uma gaiola envolta em um cobertor próxima ao banco traseiro. Diversos pássaros estavam na gaiola. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF No reboque, a PRF encontrou outras gaiolas com cerca de 150 pássaros e aproximadamente 30 jabutis em sacos e caixas de papelão. De acordo com a polícia, muitos dos animais estavam em estado de saúde debilitado, sendo que outros já estavam mortos. Segundo a polícia, o motorista de 63 anos é natural da cidade baiana e o passageiro, de 68, é de Batalhas (AL). A PRF destacou que os suspeitos informaram que os pássaros seriam levados de Várzea do Poço para a capital paulista. Conforme eles disseram à polícia, eles seriam comercializados em uma feira popular na cidade. A PRF revelou que os homens afirmaram que eles mesmos fizeram a captura dos animais. A Polícia Rodoviária Federal explicou que os suspeitos, em tese, cometeram o crime ambiental previsto no artigo 29 da lei 9.605/98 - Lei dos Crimes Ambientais. Segundo a PRF, foi arbitrada uma fiança de R$ 10 mil para cada um dos suspeitos. Ainda de acordo com a polícia, é a terceira vez que a mesma dupla é presa pela Polícia Rodoviária Federal. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF Diante dos fatos, os animais e os materiais foram apreendidos e encaminhados para a Polícia Militar de Meio Ambiente, em Pouso Alegre. A PRF salientou, ainda, que foi encontrado com o motorista 11 comprimidos proibidos no Brasil. O entorpecente em questão seria um estimulante da classe química das anfetaminas. A polícia destacou que o suspeito incorreu ao crime de porte de droga para consumo. Em relação aos veículos, eles foram removidos e recolhidos ao pátio contratado da PRF em Pouso Alegre. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas

PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381

Apreensão ocorreu no trecho do km 842, em São Sebastião da Bela Vista (MG). De acordo com a PRF, animais saíram de Várzea do Poço (BA) e seriam levados para São Paulo. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, nesta quinta-feira (31), pássaros e jabutis na BR-381, em São Sebastião da Bela Vista (MG). Os animais estavam dentro de um carro e de um reboque atrelado ao veículo. De acordo com a PRF, eles saíram de Várzea do Poço (BA) e seriam levados para comercialização em São Paulo. Os suspeitos, que haviam sido detidos pela 3ª vez, pagaram fiança e foram liberados. A apreensão ocorreu por volta das 15h, no trecho do km 842 da rodovia, na pista sentido São Paulo, quando o veículo, com o reboque, foi abordado. Durante a abordagem, a PRF localizou diversas gaiolas e utensílios para captura de animais. No carro, a polícia encontrou uma gaiola envolta em um cobertor próxima ao banco traseiro. Diversos pássaros estavam na gaiola. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF No reboque, a PRF encontrou outras gaiolas com cerca de 150 pássaros e aproximadamente 30 jabutis em sacos e caixas de papelão. De acordo com a polícia, muitos dos animais estavam em estado de saúde debilitado, sendo que outros já estavam mortos. Segundo a polícia, o motorista de 63 anos é natural da cidade baiana e o passageiro, de 68, é de Batalhas (AL). A PRF destacou que os suspeitos informaram que os pássaros seriam levados de Várzea do Poço para a capital paulista. Conforme eles disseram à polícia, eles seriam comercializados em uma feira popular na cidade. A PRF revelou que os homens afirmaram que eles mesmos fizeram a captura dos animais. A Polícia Rodoviária Federal explicou que os suspeitos, em tese, cometeram o crime ambiental previsto no artigo 29 da lei 9.605/98 - Lei dos Crimes Ambientais. Segundo a PRF, foi arbitrada uma fiança de R$ 10 mil para cada um dos suspeitos. Ainda de acordo com a polícia, é a terceira vez que a mesma dupla é presa pela Polícia Rodoviária Federal. PRF apreende pássaros e jabutis dentro de gaiolas em reboque na BR-381 Divulgação/PRF Diante dos fatos, os animais e os materiais foram apreendidos e encaminhados para a Polícia Militar de Meio Ambiente, em Pouso Alegre. A PRF salientou, ainda, que foi encontrado com o motorista 11 comprimidos proibidos no Brasil. O entorpecente em questão seria um estimulante da classe química das anfetaminas. A polícia destacou que o suspeito incorreu ao crime de porte de droga para consumo. Em relação aos veículos, eles foram removidos e recolhidos ao pátio contratado da PRF em Pouso Alegre. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas