Polícia Civil apreende defensivos agrícolas vencidos e descartados irregularmente em fazenda

A Polícia Civil apreendeu nesta quinta-feira (24), em uma fazenda do município de Campo Verde, em torno de 1.400 quilos de defensivos agrícolas vencidos e descartados incorretamente. Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI). Em uma das propriedades visitadas, localizada na MT-140, a equipe de investigadores observou em uma área diversas embalagens de defensivos armazenadas em local impróprio para a finalidade, cobertas com uma lona.A equipe da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) estava em diligências na zona rural de Campo Verde para orientar proprietários e funcionários na prevenção a roubo e furtos de defensivos. Aparentemente, o material estava no local há muito tempo e a maioria dos produtos estava com a validade vencida e outros com embalagem danificada e vazando substância diretamente ao solo. Os policiais civis seguiram até a sede da fazenda e indagaram o proprietário, de 58 anos, sobre os defensivos e ele afimrou que despejou os produtos na área por falta de local apropriado. Ele disse ainda que a maioria dos defensivos estava mesmo vencida ou não era utilizado para aplicação. Diante da situação de flagrante, o dono da fazenda foi conduzido à Delegacia de Campo Verde, onde foi autuado em flagrante pela delegada Cinthia Cupido por crime previsto na lei ambiental - abandonar substâncias tóxicas, perigosas ou nocivas à saúde humana ou ao meio ambiente, ou as utiliza em desacordo com as normas de segurança. A GCOO prosseguirá a investigação e comunicará os órgãos amb...

Polícia Civil apreende defensivos agrícolas vencidos e descartados irregularmente em fazenda
A Polícia Civil apreendeu nesta quinta-feira (24), em uma fazenda do município de Campo Verde, em torno de 1.400 quilos de defensivos agrícolas vencidos e descartados incorretamente. Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI). Em uma das propriedades visitadas, localizada na MT-140, a equipe de investigadores observou em uma área diversas embalagens de defensivos armazenadas em local impróprio para a finalidade, cobertas com uma lona.A equipe da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) estava em diligências na zona rural de Campo Verde para orientar proprietários e funcionários na prevenção a roubo e furtos de defensivos. Aparentemente, o material estava no local há muito tempo e a maioria dos produtos estava com a validade vencida e outros com embalagem danificada e vazando substância diretamente ao solo. Os policiais civis seguiram até a sede da fazenda e indagaram o proprietário, de 58 anos, sobre os defensivos e ele afimrou que despejou os produtos na área por falta de local apropriado. Ele disse ainda que a maioria dos defensivos estava mesmo vencida ou não era utilizado para aplicação. Diante da situação de flagrante, o dono da fazenda foi conduzido à Delegacia de Campo Verde, onde foi autuado em flagrante pela delegada Cinthia Cupido por crime previsto na lei ambiental - abandonar substâncias tóxicas, perigosas ou nocivas à saúde humana ou ao meio ambiente, ou as utiliza em desacordo com as normas de segurança. A GCOO prosseguirá a investigação e comunicará os órgãos amb...