O “Arraial do Quero Mais”

Musicalidade

O “Arraial do Quero Mais”

Os cantores e compositores, Osmar Júnior e Rambolde Campos, criaram, na década de 1990, em Macapá (AP), um projeto musical batizado de “Arraial do Quero Mais”, com o objetivo de estimular o movimento das quadrilhas juninas em todo o estado que, à época, estava se organizando, se multiplicando e se proliferando nos bairros da cidade.
Como no Brasil existem diferentes estilos e uma diversidade cultural de segmentos, este projeto se propôs a criar uma trilha sonora que incentivasse o movimento “quadrilheiro”, sem ferir nossas raízes, e dessa forma, respeitando e valorizando as temáticas dos grupos, mas propondo ao segmento a inclusão de nossa cultura regional, agregando seus valores e ritmos nas letras das músicas. E isso foi aceito e aprovado pelo segmento junino.
O projeto ”Arraial do Quero Mais”, se transformou em um álbum com um CD contendo canções de composições autorais dos dois artistas, Osmar Júnior e Rambolde Campos. O disco tornou-se uma antologia consolidada e com as músicas bastante utilizadas pelos grupos, nos festivais juninos e muito tocadas pelas emissoras de rádios de Macapá.
Desde que esse projeto foi lançado, seus idealizadores realizaram shows em várias cidades do estado, principalmente na época das festas de São João. Em Macapá, onde tem a maior concentração de quadrilhas juninas, Osmar Júnior e Rambolde Campos, percorreram os bairros, levando à toda população, além do entretenimento, a valorização da cultura nordestina em permanente interação com a cultura da região norte, sobretudo do Amapá. Até hoje, os quadrilheiros juninos tocam as músicas desse projeto em seus eventos.

 

 

CURUPIRA: Curupira é uma figura do folclore brasileiro. Ele é uma entidade das matas, um moleque de cabelos compridos e vermelhos, cuja característica principal é os pés virados para trás.

 

 

Seu boto dono das águas
Ensine-me a remar
Cortar essas marés de léguas
Cavalgar feito égua

Annie Carvalho

Poeta Tucuju

 

 

Lançado
Novo disco de Nathal Villar, ‘Além da Linfa do Equador’, já está em todas as plataformas digitais. O lançamento aconteceu no final de semana. Parabéns.

 

Santuário
Santuário N. S. de Fátima (bairro Santa Rita) vai realizar shows artísticos de 9 a 13 de junho, a partir das 20h, com cantores regionais. São eles: Jô Freitas e Jacques, Railana e Fred (9), Banda Slide Rock Band, Cléverson Baia (10), Juninho dos Teclados, Nivito Guedes (11), Amadeu Cavalcante, Dani Li (12), Taty Taylor (13).

 

Pré-Festival
Quadrilha junina simpatia da Juventude vai realizar o seu 20º Pré-Forrozão no dia 14 de maio, a partir das 20h, na sede de Boêmios do Laguinho – Laguinho.
Nesse dia a Simpa vai mostrar um pouco de seu trabalho deste ano. O tema é ‘Circo dos Horrores’. Mais informações: 96 99145-7603/98100-7135.

 

Referência
Cantor e compositor amapaense, Batan, é uma referência no repertório variado que apresenta nos shows. Vai do bolero, saudade, brega, internacional, rock e outros estilos e ritmos. Parabéns.

 

Agenda
Na sexta (6) tem show de Nivito Guedes, ‘As Cores da Minha Terra’, no Garden Shopping, a partir das 20h. quem abre a noite por lá é o cantor e compositor amapaense, Helder Brandão. Reserva de mesas: 96 98118-2610 e 98112-7594.

 

Timbres e Temperos’
Título do disco de três artistas cantadores da Amazônia: Enrico Di Miceli, Patrícia Bastos e Joãozinho Gomes.
O repertório é um belo exemplo de valorização de tudo o que o Amapá produz na arte, cultura e cotidiano. Disponível em todas as plataformas digitais.

 

‘Vem Me Namorar’
Título da música de trabalho de Lia Sophia que está em seu novo disco, ‘Eletrocarimbó, lançado recentemente. Já em todas as plataformas digitais.