Mulher morre 1 dia após tomar 3ª dose de vacina contra Covid

Uma mulher de 45 anos morreu nessa quarta-feira (22), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), de Sorriso (MT), após sofrer uma parada cardiorrespiratória, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. A causa da morte de Silvia Dal Magro ainda será apurada. Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).   Em nota, a secretaria informou que a vítima já chegou morta na unidade de saúde, e era portadora de hipertensão arterial.  A Secretaria de Saúde diz que consta que ela havia sido internada em julho de 2020 para tratamento de Covid-19 e teve alta. "O histórico de acompanhamento no Ambulatório Multiprofissional de Especialidades (AME) para tratamento endócrino e pneumológico em setembro de 2020, mas não há mais registros de retorno, da mesma forma que este atendimento não se relaciona de forma alguma à Covid", diz trecho da nota. Depois da morte da paciente, a Secretaria de Saúde de Sorriso disse que todos os órgãos de vigilância em saúde do estado, e que ela tinha tomado a dose de reforço contra a Covid-19 no dia 21, um dia antes de sua morte. Todos os protocolos disponíveis nestes casos foram, e seguem sendo adotados, inclusive com a coleta de material para examinar uma possível relação entre os fatos, que foi encaminhado ao Laboratório Central do Estado (Lacen). "É necessário investigar todo o histórico de saúde da vítima e outros fatores que possam ter contribuído para este desfecho, para que se possa emitir qualquer parecer definitivo. Mais uma vez, a prefeitu...

Mulher morre 1 dia após tomar 3ª dose de vacina contra Covid
Uma mulher de 45 anos morreu nessa quarta-feira (22), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), de Sorriso (MT), após sofrer uma parada cardiorrespiratória, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. A causa da morte de Silvia Dal Magro ainda será apurada. Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).   Em nota, a secretaria informou que a vítima já chegou morta na unidade de saúde, e era portadora de hipertensão arterial.  A Secretaria de Saúde diz que consta que ela havia sido internada em julho de 2020 para tratamento de Covid-19 e teve alta. "O histórico de acompanhamento no Ambulatório Multiprofissional de Especialidades (AME) para tratamento endócrino e pneumológico em setembro de 2020, mas não há mais registros de retorno, da mesma forma que este atendimento não se relaciona de forma alguma à Covid", diz trecho da nota. Depois da morte da paciente, a Secretaria de Saúde de Sorriso disse que todos os órgãos de vigilância em saúde do estado, e que ela tinha tomado a dose de reforço contra a Covid-19 no dia 21, um dia antes de sua morte. Todos os protocolos disponíveis nestes casos foram, e seguem sendo adotados, inclusive com a coleta de material para examinar uma possível relação entre os fatos, que foi encaminhado ao Laboratório Central do Estado (Lacen). "É necessário investigar todo o histórico de saúde da vítima e outros fatores que possam ter contribuído para este desfecho, para que se possa emitir qualquer parecer definitivo. Mais uma vez, a prefeitu...