Matemática, física, química e redação: saiba como estudar sem medo para o Enem

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) será realizado nos dias 13 e 20 de novembro e ainda dá tempo de estudar. A dica é treinar redação e matemática, duas matérias de peso no exame. Tirar uma boa nota na redação eleva a nota, o que pode ser o diferencial para ingressar em uma universidade federal via Sisu (Sistema de Seleção Unificado), por exemplo. Matemática corresponde a 25% dos pontos na nota finalAs duas matérias, além de química e física são consideradas 'difíceis' por muitos estudantes. Para não perder o sono antes da prova, vale seguir algumas dicas de estudos e a primeira é não deixar tudo para a última hora. Planejamento é fundamental. Matérias de exatas e redação exigem treino, mas não basta só produzir textos ou fazer exercícios, é preciso corrigir, revisar e tirar as dúvidasUma boa dica é começar estudando o básico da matemática, muitas questões do Enem podem ser resolvidas com apenas usando a interpretação de texto (entender o enunciado da questão) e as operações. Tabuada deve estar na ponta de língua. "Comece estudando os temas básicos e depois passe para os mais complexos", orienta o professor Daniel Ferretto. Conhece teoria? Não? Está na hora de entender os conceitos para poder fazer os exercícios. O Enem costuma cobrar razão e proporção, geometria plana, equações, estatística e funções, domine os temasA mesma lógica se aplica às questões de física: comece a estudar o básico e siga para as matérias mais complexas. O Enem cobra interpretação de texto em todas as matérias, logo, entender o enunciado é a chave para responder rapidamente várias questões. Outra característica do exame é cobrar a matéria aplicada ao cotidianoO melhor jeito de estudar química para o Enem é fazendo as provas das edições anteriores, um jeito de saber as matérias mais cobradas. Dominar a química básica e saber interpretar a tabela periódica garantem algumas questões. Outro ponto, assim como ocorre em física, é importante sabe aplicar a química do cotidiano Para fazer uma boa redação é preciso ler notícias de fontes seguras, estar atento aos principais acontecimentos do momento e saber relacioná-lo com o tema cobrado no exame. O Enem exige que o participante demonstre ter uma visão crítica da atualidade. Os textos de apoio e motivadores auxiliam na construção dos argumentos. Organize as ideias antes de escrever o texto e revise a pontuação e ortografia. Para não fazer feio no dia do exame, produza uma redação por semana e peça para um professor corrigir

Matemática, física, química e redação: saiba como estudar sem medo para o Enem

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) será realizado nos dias 13 e 20 de novembro e ainda dá tempo de estudar. A dica é treinar redação e matemática, duas matérias de peso no exame. Tirar uma boa nota na redação eleva a nota, o que pode ser o diferencial para ingressar em uma universidade federal via Sisu (Sistema de Seleção Unificado), por exemplo. Matemática corresponde a 25% dos pontos na nota final

As duas matérias, além de química e física são consideradas 'difíceis' por muitos estudantes. Para não perder o sono antes da prova, vale seguir algumas dicas de estudos e a primeira é não deixar tudo para a última hora. Planejamento é fundamental. Matérias de exatas e redação exigem treino, mas não basta só produzir textos ou fazer exercícios, é preciso corrigir, revisar e tirar as dúvidas

Uma boa dica é começar estudando o básico da matemática, muitas questões do Enem podem ser resolvidas com apenas usando a interpretação de texto (entender o enunciado da questão) e as operações. Tabuada deve estar na ponta de língua. "Comece estudando os temas básicos e depois passe para os mais complexos", orienta o professor Daniel Ferretto. Conhece teoria? Não? Está na hora de entender os conceitos para poder fazer os exercícios. O Enem costuma cobrar razão e proporção, geometria plana, equações, estatística e funções, domine os temas

A mesma lógica se aplica às questões de física: comece a estudar o básico e siga para as matérias mais complexas. O Enem cobra interpretação de texto em todas as matérias, logo, entender o enunciado é a chave para responder rapidamente várias questões. Outra característica do exame é cobrar a matéria aplicada ao cotidiano

O melhor jeito de estudar química para o Enem é fazendo as provas das edições anteriores, um jeito de saber as matérias mais cobradas. Dominar a química básica e saber interpretar a tabela periódica garantem algumas questões. Outro ponto, assim como ocorre em física, é importante sabe aplicar a química do cotidiano 

Para fazer uma boa redação é preciso ler notícias de fontes seguras, estar atento aos principais acontecimentos do momento e saber relacioná-lo com o tema cobrado no exame. O Enem exige que o participante demonstre ter uma visão crítica da atualidade. Os textos de apoio e motivadores auxiliam na construção dos argumentos. Organize as ideias antes de escrever o texto e revise a pontuação e ortografia. Para não fazer feio no dia do exame, produza uma redação por semana e peça para um professor corrigir