LULA PODERÁ CONTAR COM ESCOLTA DO PLANALTO DURANTE DOIS DE JULHO

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai contar com reforço da segurança pelo Palácio do Planalto durante sua […]

LULA PODERÁ CONTAR COM ESCOLTA DO PLANALTO DURANTE DOIS DE JULHO

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai contar com reforço da segurança pelo Palácio do Planalto durante sua participação no Dois de Julho. O petista, que foi chefe de Estado entre 2003 e 2011, tem direito a uma equipe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) fazendo escolta.

 

A garantia da integridade dele é uma das “maiores preocupações” do pessoal que o acompanha, segundo revelou o presidente do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores na Bahia, Éden Valadares (veja aqui). Uma reunião da executiva nacional, nesta sexta-feira (17), em Aracaju, deve definir os detalhes da vinda do pré-candidato à Bahia.

 

Ao Bahia Notícias, o dirigente garantiu a vinda do correligionário e a sua presença no ato que dá início para a comemoração da data magna, na Lapinha. Uma caminhada ou a realização de um ato ainda estão em aberto.

 

“Lula estará ao lado de Jerônimo e de Otto no Dois de Julho. É a data cívica mais importante da história do povo baiano, símbolo da nossa liberdade, mas também é a data inaugural do período eleitoral. Então a gente começa muito bem”, disse Éden.

 

A prerrogativa de acionar o GSI já é usada por Lula, conforme apontou a colunista Malu Gaspar, de O Globo, no início de junho. Agentes do órgão intensificaram a cobertura do marido de Janja em Campinas (SP), onde mora, e atuaram durante uma situação de ameaça, no Paraná.

 

Para colaborar com o trabalho, ele tem ficado sozinho pelo menor tempo possível. Deslocamentos longos não são aconselhados, o local de gravação de participações em vídeos foi definido com base nos possíveis riscos e a participação do petista em atos pelo país são avaliados pelos prepostos.

 

Uma equipe da Polícia Federal (PF) também deve atuar no reforço da segurança de Lula, assim como a dos outros presidenciáveis, a partir de agosto.