Jéssika Tavares, a 'MC Jessikinha' do hip hop, morre em SP aos 23 anos

Segundo o rapper Bob 13, fundador da Batalha da Aldeia, a cantora faleceu em virtude de complicações cardíacas causadas pela diabetes tipo 2 enfrentada pela jovem. Amigos lamentam morte da MC Jessikinha em São Paulo Morreu na noite desta sexta-feira (28) em São Paulo a cantora Jéssika Tavares, de 23 anos, conhecida como MC Jessikinha das batalhas de hip hop realizadas na Grande SP. A morte da rapper foi anunciada nas redes sociais por amigos e pelo perfil oficial da Batalha da Aldeia, de Barueri, um dos eventos de hip hop mais conhecidos da Grande São Paulo, que tinha a cantora como participante frequente das rinhas, como são chamadas as batalhas de rimas promovidas nas rodas de hip hop. Clique aqui para compartilhar esta notícia no WhatsApp Clique aqui para compartilhar esta notícia no Telegram Segundo o rapper Bob 13, fundador da Batalha da Aldeia, Jéssika Tavares morreu em virtude de complicações cardíacas causadas pela diabetes tipo 2 enfrentada pela jovem. “Com muita tristeza anunciamos que Jessikinha faleceu, na noite de ontem teve complicações cardíacas e não resistiu. Descanse em paz amiga, disse o perfil da Batalha da Aldeia no Instagram. Jéssika Tavares, de 23 anos, conhecida como MC Jessikinha das batalhas de hip hop realizadas na Grande São Paulo. Reprodução “Deus sabe de tudo. Você jamais será esquecida irmãzinha. Obrigado por sempre confiar em mim. Hoje você está no céu com sua mãezinha que partiu há 2 meses… poucas pessoas sabem o que você passou… mas muitas irão te respeitar e conhecer sua luta. Você é um ícone das batalhas de SP, figura emblemática, carismática, verdadeira e intensa”, declarou Bob 13 nas redes sociais. “Jessika Tavares é resistencia e nunca será esquecida por toda sua luta e contribuição por todos esses anos no Hip Hop. Muitos conheceram a Jessikinha pelas batalhas de rima, ela é uma reliquia do movimento, colava em inumeras batalhas de São Paulo e bateu de frente com muitos monstros da cena, nunca se deixou levar por mau gosto das pessoas que não a compreendiam e sempre seguiu em frente apesar das dificuldades”, completou a mensagem. Perfil 'Batalha da Aldeia', de Barueri, na Grande SP, anuncia a morte da MC Jessikinha nesta sexta (29). Reprodução/Instagram O velório de MC Jessikinha aconteceu no cemitério de Vila Nova Cachoeirinha, na Zona Norte de São Paulo, na tarde deste sábado (29), segundo os amigos. A comunidade hip hop de SP lamentou a morte da moça nas redes sociais e pediu orações à família da jovem, que havia perdido a mãe há poucos meses. MC Jessikinha durante as batalhas de Hip Hop na Grande São Paulo Reprodução/Instagram VÍDEOS: Tudo sobre São Paulo e região metropolitana

Jéssika Tavares, a 'MC Jessikinha' do hip hop, morre em SP aos 23 anos

Segundo o rapper Bob 13, fundador da Batalha da Aldeia, a cantora faleceu em virtude de complicações cardíacas causadas pela diabetes tipo 2 enfrentada pela jovem. Amigos lamentam morte da MC Jessikinha em São Paulo Morreu na noite desta sexta-feira (28) em São Paulo a cantora Jéssika Tavares, de 23 anos, conhecida como MC Jessikinha das batalhas de hip hop realizadas na Grande SP. A morte da rapper foi anunciada nas redes sociais por amigos e pelo perfil oficial da Batalha da Aldeia, de Barueri, um dos eventos de hip hop mais conhecidos da Grande São Paulo, que tinha a cantora como participante frequente das rinhas, como são chamadas as batalhas de rimas promovidas nas rodas de hip hop. Clique aqui para compartilhar esta notícia no WhatsApp Clique aqui para compartilhar esta notícia no Telegram Segundo o rapper Bob 13, fundador da Batalha da Aldeia, Jéssika Tavares morreu em virtude de complicações cardíacas causadas pela diabetes tipo 2 enfrentada pela jovem. “Com muita tristeza anunciamos que Jessikinha faleceu, na noite de ontem teve complicações cardíacas e não resistiu. Descanse em paz amiga, disse o perfil da Batalha da Aldeia no Instagram. Jéssika Tavares, de 23 anos, conhecida como MC Jessikinha das batalhas de hip hop realizadas na Grande São Paulo. Reprodução “Deus sabe de tudo. Você jamais será esquecida irmãzinha. Obrigado por sempre confiar em mim. Hoje você está no céu com sua mãezinha que partiu há 2 meses… poucas pessoas sabem o que você passou… mas muitas irão te respeitar e conhecer sua luta. Você é um ícone das batalhas de SP, figura emblemática, carismática, verdadeira e intensa”, declarou Bob 13 nas redes sociais. “Jessika Tavares é resistencia e nunca será esquecida por toda sua luta e contribuição por todos esses anos no Hip Hop. Muitos conheceram a Jessikinha pelas batalhas de rima, ela é uma reliquia do movimento, colava em inumeras batalhas de São Paulo e bateu de frente com muitos monstros da cena, nunca se deixou levar por mau gosto das pessoas que não a compreendiam e sempre seguiu em frente apesar das dificuldades”, completou a mensagem. Perfil 'Batalha da Aldeia', de Barueri, na Grande SP, anuncia a morte da MC Jessikinha nesta sexta (29). Reprodução/Instagram O velório de MC Jessikinha aconteceu no cemitério de Vila Nova Cachoeirinha, na Zona Norte de São Paulo, na tarde deste sábado (29), segundo os amigos. A comunidade hip hop de SP lamentou a morte da moça nas redes sociais e pediu orações à família da jovem, que havia perdido a mãe há poucos meses. MC Jessikinha durante as batalhas de Hip Hop na Grande São Paulo Reprodução/Instagram VÍDEOS: Tudo sobre São Paulo e região metropolitana