Indústria entrega propostas a presidenciáveis para acelerar inovação

Burocracia e falta de políticas públicas de longo prazo colocam Brasil na rabeira dos rankings de investimento em pesquisa

Indústria entrega propostas a presidenciáveis para acelerar inovação
Indústria entrega propostas a presidenciáveis para acelerar inovação no país Reprodução: ACidade ON

"Estamos na contramão de países desenvolvidos, que reconhecem o papel do Estado no fomento à inovação, ciência e tecnologia. Com inovação, há melhora na qualidade de vida das pessoas, redução do custo de tecnologia e geração de novas tecnologias para empresas", diz Gianna Sagazio, diretora de Inovação da CNI, lembrando que no país precisa ainda integrar a pauta de sustentabilidade à agenda desenvolvimento.

Uma pesquisa realizada esse ano pela entidade, mostrou que apenas 10% das empresas utilizaram linhas de financiamento público à pesquisa e desenvolvimento ao longo do ano de 2020. De acordo com os dados, 89% das empresas consultadas custearam a atividade inovação com recursos próprios.

Leia mais...