Homem morre prensado por caçamba de caminhão em ponto de reciclagem em Campos, no RJ

Vítima foi identificada como Jorge Luiz de Souza Rangel, de 57 anos. Caso aconteceu no fim da manhã desta terça-feira (28). Um homem morreu depois de ser prensado pela caçamba de um caminhão em um ponto de reciclagem da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Codin) no subdistrito de Guarus, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. O acidente aconteceu no fim da manhã desta terça-feira (28) na Rua Augusto Machado Viana Faria, 870. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Jorge Luiz de Souza Rangel, de 57 anos, já estava sem sinais vitais quando o socorro chegou ao local. Homem de 57 anos morreu depois de ser prensado por caçamba de caminhão em Campos, no RJ Reprodução/Redes sociais A associação do Distrito Industrial de Campos informou que a empresa envolvida no acidente não é associada. Até a publicação desta reportagem, o g1 não conseguiu confirmar qual o nome da empresa envolvida. O g1 entrou em contato com a Codin e com a Polícia Civil para pedir mais informações sobre o ocorrido e até a última publicação desta reportagem não teve retorno.

Homem morre prensado por caçamba de caminhão em ponto de reciclagem em Campos, no RJ

Vítima foi identificada como Jorge Luiz de Souza Rangel, de 57 anos. Caso aconteceu no fim da manhã desta terça-feira (28). Um homem morreu depois de ser prensado pela caçamba de um caminhão em um ponto de reciclagem da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Codin) no subdistrito de Guarus, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. O acidente aconteceu no fim da manhã desta terça-feira (28) na Rua Augusto Machado Viana Faria, 870. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Jorge Luiz de Souza Rangel, de 57 anos, já estava sem sinais vitais quando o socorro chegou ao local. Homem de 57 anos morreu depois de ser prensado por caçamba de caminhão em Campos, no RJ Reprodução/Redes sociais A associação do Distrito Industrial de Campos informou que a empresa envolvida no acidente não é associada. Até a publicação desta reportagem, o g1 não conseguiu confirmar qual o nome da empresa envolvida. O g1 entrou em contato com a Codin e com a Polícia Civil para pedir mais informações sobre o ocorrido e até a última publicação desta reportagem não teve retorno.