Evento online debate ajuda dos povos tradicionais na biodiversidade brasileira

Projeto reúne cinco experiências de povos que se inter-relacionam com biomas diversos Divulgação/Secretaria da Cultura de SP A SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência) realiza o webinar da obra "Povos tradicionais e biodiversidade no Brasil - contribuições dos povos indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais para a biodiversidade, políticas e ameaças” na próxima sexta-feira (18) a partir das 14h pelo canal do Youtube da SBPC. Com o objetivo de evidenciar a riqueza e pluralidade dos conhecimentos detidos e produzidos pelas comunidades tradicionais, a live contará com a participação da presidente da UMJ (União dos Moradores da Jureia), representantes da Embrapa-Semiárido (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), NIISA (Núcleo Interdisciplinar de Investigação Socioambiental, Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares e da UFPA (Universidade Federal do Pará). Leia também Jovem quilombola que passou em medicina sem ter energia elétrica cria campanha para estudar Formação gratuita do MEC para professores atinge 140 mil inscritos Senado aprova projeto que destina recursos do Fundeb para professores O webinar reúne cinco experiências de povos que se inter-relacionam com biomas diversos, com histórias e identidades próprias, como os Caiçaras da Juréia, na Mata Atlântica, litoral sul do Estado de São Paulo; as comunidades de fundo de pasto, na caatinga, no estado da Bahia; as comunidades vazanteiras e as comunidades geraizeiras, no cerrado, na Bacia do rio São Francisco, estado de Minas Gerais; e as quebradeiras de coco babaçu, na Amazônia, estados do Maranhão e Pará. Também será abordado durante o evento as variadas formas de organização social e de uso do ambiente; as práticas e sistemas de produção que resultam em contribuições para a biodiversidade; assim como as políticas públicas e legislação ambiental que ameaçam a reprodução dessas sociedades e a conservação de seus territórios. Serviço Live: “A contribuição dos povos tradicionais para a biodiversidade no Brasil” Data: dia 18 de março, às 14h Transmissão: canal da SBPC no YouTube Veja também Educação Menino de 13 anos passa em 1º lugar em direito da UFRRJ Educação Conselho Nacional de Educação aprova mudanças no Enem Educação Capes lança edital para bolsas de pesquisa sobre mudança climática  

Evento online debate ajuda dos povos tradicionais na biodiversidade brasileira
Projeto reúne cinco experiências de povos que se inter-relacionam com biomas diversos
Projeto reúne cinco experiências de povos que se inter-relacionam com biomas diversos Divulgação/Secretaria da Cultura de SP

A SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência) realiza o webinar da obra "Povos tradicionais e biodiversidade no Brasil - contribuições dos povos indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais para a biodiversidade, políticas e ameaças” na próxima sexta-feira (18) a partir das 14h pelo canal do Youtube da SBPC.

Com o objetivo de evidenciar a riqueza e pluralidade dos conhecimentos detidos e produzidos pelas comunidades tradicionais, a live contará com a participação da presidente da UMJ (União dos Moradores da Jureia), representantes da Embrapa-Semiárido (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), NIISA (Núcleo Interdisciplinar de Investigação Socioambiental, Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares e da UFPA (Universidade Federal do Pará).

O webinar reúne cinco experiências de povos que se inter-relacionam com biomas diversos, com histórias e identidades próprias, como os Caiçaras da Juréia, na Mata Atlântica, litoral sul do Estado de São Paulo; as comunidades de fundo de pasto, na caatinga, no estado da Bahia; as comunidades vazanteiras e as comunidades geraizeiras, no cerrado, na Bacia do rio São Francisco, estado de Minas Gerais; e as quebradeiras de coco babaçu, na Amazônia, estados do Maranhão e Pará.

Também será abordado durante o evento as variadas formas de organização social e de uso do ambiente; as práticas e sistemas de produção que resultam em contribuições para a biodiversidade; assim como as políticas públicas e legislação ambiental que ameaçam a reprodução dessas sociedades e a conservação de seus territórios.

Serviço

Live: “A contribuição dos povos tradicionais para a biodiversidade no Brasil”
Data: dia 18 de março, às 14h
Transmissão: canal da SBPC no YouTube