Empresário é preso durante operação contra falsidade ideológica e fraudes em licitações em São Bento Abade, MG

"Operação Laranja Mecânica" também cumpriu outros cinco mandados de busca e apreensão. Um empresário foi preso nesta quarta-feira (1º) durante operação do Ministério Público, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), com apoios das polícias civil e militar, em São Bento Abade (MG). Conforme o MP, a "Operação Laranja Mecânica" apura os crimes de falsidade ideológica e fraudes em licitações de prestação de serviços no município, através do uso de documentos falsos. Polícia Militar apreende arma e munições durante operação em São Bento Abade Divulgação / Gaeco Além do mandado de prisão temporária, também foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão. Segundo o MP, um dos alvos é ligado à Prefeitura de São Bento Abade. Foram apreendidos documentos, uma arma e munições. Ao todo, participaram da operação três promotores de justiça, quatro servidores do MP, vinte policiais militares e cinco policiais civis. Segundo o MP, as investigações sobre o caso prosseguem e por enquanto não serão informados mais detalhes. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas

Empresário é preso durante operação contra falsidade ideológica e fraudes em licitações em São Bento Abade, MG

"Operação Laranja Mecânica" também cumpriu outros cinco mandados de busca e apreensão. Um empresário foi preso nesta quarta-feira (1º) durante operação do Ministério Público, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), com apoios das polícias civil e militar, em São Bento Abade (MG). Conforme o MP, a "Operação Laranja Mecânica" apura os crimes de falsidade ideológica e fraudes em licitações de prestação de serviços no município, através do uso de documentos falsos. Polícia Militar apreende arma e munições durante operação em São Bento Abade Divulgação / Gaeco Além do mandado de prisão temporária, também foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão. Segundo o MP, um dos alvos é ligado à Prefeitura de São Bento Abade. Foram apreendidos documentos, uma arma e munições. Ao todo, participaram da operação três promotores de justiça, quatro servidores do MP, vinte policiais militares e cinco policiais civis. Segundo o MP, as investigações sobre o caso prosseguem e por enquanto não serão informados mais detalhes. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas