Corpo é encontrado carbonizado em Caratinga após cachorro aparecer com mão humana

Vítima não identificada estava nos fundos de uma casa abandonada. Crime será investigado. O corpo de um homem foi encontrado carbonizado em uma casa abandonada em Caratinga, nesta quarta-feira (22). Segundo a Polícia Militar, a vítima não foi identificada e só foi encontrada porque um cachorro apareceu carregando com uma mão humana e o trabalhador de uma obra próxima ao local viu o fato e chamou as autoridades. A testemunha pegou a mão e deixou em cima de um veículo, mas o cão conseguiu pegar o pedaço do corpo novamente e fugiu. Os militares fizeram buscas pela região e encontraram o corpo nos fundos de uma casa abandonada, com esterco jogado do lado de fora e na entrada, cobrindo manchas de sangue por arrastamento. O corpo estava parcialmente carbonizado e em estado de decomposição, faltando o antebraço direito e a mão esquerda, que provavelmente foi levada pelo cão. Durante a ocorrência, o motorista de uma caminhonete passou próximo ao local, observando a ação dos policiais. Ao perceber que seria abordado, o homem conseguiu fugir. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil. VÍDEOS: veja tudo sobre o Leste e Nordeste de MG Veja mais notícias da região em g1 Vales de Minas Gerais.

Corpo é encontrado carbonizado em Caratinga após cachorro aparecer com mão humana
Vítima não identificada estava nos fundos de uma casa abandonada. Crime será investigado. O corpo de um homem foi encontrado carbonizado em uma casa abandonada em Caratinga, nesta quarta-feira (22). Segundo a Polícia Militar, a vítima não foi identificada e só foi encontrada porque um cachorro apareceu carregando com uma mão humana e o trabalhador de uma obra próxima ao local viu o fato e chamou as autoridades. A testemunha pegou a mão e deixou em cima de um veículo, mas o cão conseguiu pegar o pedaço do corpo novamente e fugiu. Os militares fizeram buscas pela região e encontraram o corpo nos fundos de uma casa abandonada, com esterco jogado do lado de fora e na entrada, cobrindo manchas de sangue por arrastamento. O corpo estava parcialmente carbonizado e em estado de decomposição, faltando o antebraço direito e a mão esquerda, que provavelmente foi levada pelo cão. Durante a ocorrência, o motorista de uma caminhonete passou próximo ao local, observando a ação dos policiais. Ao perceber que seria abordado, o homem conseguiu fugir. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil. VÍDEOS: veja tudo sobre o Leste e Nordeste de MG Veja mais notícias da região em g1 Vales de Minas Gerais.