Chacina: Encapuzados matam cinco em confraternização de Natal

 Viatura Polícia Militar do Ceará.jpg Fortaleza (CE) - Foi uma madrugada de sábado (25) violenta para os moradores do bairro no bairro Sapiranga, em Fortaleza, capital do Ceará. Cinco homens foram executados e outros seis ficaram feridos durante um tiroteio em um campo de futebol, próximo ao chamado Campo do Alecrim. O crime aconteceu durante uma confraternização de Natal, quando homens armados e encapuzados se aproximaram do local e fizeram vários disparos, informou a Polícia Militar cearense. Desesperadas, as pessoas tentavam escapar dos tiros, correndo para suas casas. Após as mortes, os suspeitos do crime conseguiram fugir em um carro e duas motos. Identificação Segundo um boletim policial, foram identificados 4 das 5 vítimas fatais. Os sobreviventes foram socorridos por ambulâncias do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu) para hospitais locais. Um dos executados teve o irmão assassinado há três dias. O caso segue investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHHP).* Com informações do SBT NewsLeia mais: Vídeo chocante mostra quatro amigos sendo metralhados durante chacinaCriminosos tentam realizar chacina no Monte das Oliveiras, em ManausChacina com 17 mortos no Crespo foi orquestrada pela polícia, diz MPAM

Chacina: Encapuzados matam cinco em confraternização de Natal
 Viatura Polícia Militar do Ceará.jpg Fortaleza (CE) - Foi uma madrugada de sábado (25) violenta para os moradores do bairro no bairro Sapiranga, em Fortaleza, capital do Ceará. Cinco homens foram executados e outros seis ficaram feridos durante um tiroteio em um campo de futebol, próximo ao chamado Campo do Alecrim. O crime aconteceu durante uma confraternização de Natal, quando homens armados e encapuzados se aproximaram do local e fizeram vários disparos, informou a Polícia Militar cearense. Desesperadas, as pessoas tentavam escapar dos tiros, correndo para suas casas. Após as mortes, os suspeitos do crime conseguiram fugir em um carro e duas motos. Identificação Segundo um boletim policial, foram identificados 4 das 5 vítimas fatais. Os sobreviventes foram socorridos por ambulâncias do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu) para hospitais locais. Um dos executados teve o irmão assassinado há três dias. O caso segue investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHHP).* Com informações do SBT NewsLeia mais: Vídeo chocante mostra quatro amigos sendo metralhados durante chacinaCriminosos tentam realizar chacina no Monte das Oliveiras, em ManausChacina com 17 mortos no Crespo foi orquestrada pela polícia, diz MPAM