Cetros sumérios encontrados na Rússia podem ter sido canudos de cerveja

Um novo estudo publicado na revista Antiquity e organizado pelos arqueólogos Victor Trifonov, Denis Petrov e Larisa Savelieva pode ter revelado a verdadeira natureza de antigos cetros da Idade do Bronze, encontrados em 1897 no sul da Rússia. Segundo a pesquisa, os artefatos coincidem com itens utilizados pela elite suméria para beber cerveja cerimonial, sendo essenciais para o desenrolar dos primeiros rituais locais envolvendo o consumo de álcool.As tumbas de Maikop Kurgan, detectadas originalmente no final do século XIX pelo arqueólogo Nikolai Veselovsky, abrigavam 8 tubos de prata e ouro adornados com pequenos touros, cada um possuindo aproximadamente 1,1 metro de comprimento.Leia mais...

Cetros sumérios encontrados na Rússia podem ter sido canudos de cerveja

Um novo estudo publicado na revista Antiquity e organizado pelos arqueólogos Victor Trifonov, Denis Petrov e Larisa Savelieva pode ter revelado a verdadeira natureza de antigos cetros da Idade do Bronze, encontrados em 1897 no sul da Rússia. Segundo a pesquisa, os artefatos coincidem com itens utilizados pela elite suméria para beber cerveja cerimonial, sendo essenciais para o desenrolar dos primeiros rituais locais envolvendo o consumo de álcool.

As tumbas de Maikop Kurgan, detectadas originalmente no final do século XIX pelo arqueólogo Nikolai Veselovsky, abrigavam 8 tubos de prata e ouro adornados com pequenos touros, cada um possuindo aproximadamente 1,1 metro de comprimento.

Leia mais...