Após quatro dias, Itamaraty cumprimenta Boric por vitória na eleição presidencial do Chile

Representante da esquerda e ex-líder estudantil, Boric, 35, venceu o ultradireitista José Antonio Kast no segundo turno das eleições chilenas, no último domingo (19). Quatro dias após a divulgação do resultado do segundo turno das eleições presidenciais no Chile, o Ministério das Relações Exteriores brasileiro divulgou uma nota em que cumprimenta Gabriel Boric pela vitória. Representante da esquerda e ex-líder estudantil, Boric, 35, foi eleito no domingo passado (19) com 55,9% dos votos. Ele venceu no segundo turno o advogado José Antonio Kast, representante da extrema direita. LEIA MAIS: Gabriel Boric: veja quem é o novo presidente do Chile "O governo brasileiro cumprimenta o senhor Gabriel Boric Font por sua eleição à Presidência da República do Chile e faz votos de êxito no desempenho de seu mandato", diz a nota divulgada pelo Itamaraty na quinta (23). Especialista analisa os efeitos da vitória de Gabriel Boric no Chile "Ao reafirmar a solidez dos laços de amizade e cooperação, o Governo brasileiro assinala a disposição de trabalhar com as autoridades chilenas no fortalecimento das iniciativas bilaterais e regionais em prol dos objetivos de desenvolvimento econômico, de defesa da liberdade e da democracia e de respeito ao Estado de Direito", finaliza a nota. O presidente Jair Bolsonaro afirmou, durante "live" na quinta, que havia determinado ao Ministério das Relações Exteriores o envio dos cumprimentos a Boric. Bolsonaro é crítico da esquerda e já demonstrou contrariedade pela vitória de representantes de partidos de esquerda em outros países, como a Argentina. VÍDEOS: notícias internacionais

Após quatro dias, Itamaraty cumprimenta Boric por vitória na eleição presidencial do Chile

Representante da esquerda e ex-líder estudantil, Boric, 35, venceu o ultradireitista José Antonio Kast no segundo turno das eleições chilenas, no último domingo (19). Quatro dias após a divulgação do resultado do segundo turno das eleições presidenciais no Chile, o Ministério das Relações Exteriores brasileiro divulgou uma nota em que cumprimenta Gabriel Boric pela vitória. Representante da esquerda e ex-líder estudantil, Boric, 35, foi eleito no domingo passado (19) com 55,9% dos votos. Ele venceu no segundo turno o advogado José Antonio Kast, representante da extrema direita. LEIA MAIS: Gabriel Boric: veja quem é o novo presidente do Chile "O governo brasileiro cumprimenta o senhor Gabriel Boric Font por sua eleição à Presidência da República do Chile e faz votos de êxito no desempenho de seu mandato", diz a nota divulgada pelo Itamaraty na quinta (23). Especialista analisa os efeitos da vitória de Gabriel Boric no Chile "Ao reafirmar a solidez dos laços de amizade e cooperação, o Governo brasileiro assinala a disposição de trabalhar com as autoridades chilenas no fortalecimento das iniciativas bilaterais e regionais em prol dos objetivos de desenvolvimento econômico, de defesa da liberdade e da democracia e de respeito ao Estado de Direito", finaliza a nota. O presidente Jair Bolsonaro afirmou, durante "live" na quinta, que havia determinado ao Ministério das Relações Exteriores o envio dos cumprimentos a Boric. Bolsonaro é crítico da esquerda e já demonstrou contrariedade pela vitória de representantes de partidos de esquerda em outros países, como a Argentina. VÍDEOS: notícias internacionais